Informações sobre o programa do governo Minha Casa Minha Vida

Atualmente o maior sonho de todo e qualquer brasileiro é ter a sua casa própria. Para realizar esse sonho nem sempre os caminhos são tão simples, por essa razão em parceria com o Estado, municípios, empresas e alguns movimentos sociais, a Caixa Econômica Federal tem o programa Minha Casa Minha Vida, que pretende disponibilizar cerca de 2 milhões de casas e apartamentos para os brasileiros em várias cidades do país.

minha casa minha vida familia feliz Informações sobre o programa do governo Minha Casa Minha VidaNo próprio site do Programa você encontrará várias informações, orientações e dicas importantes que irão facilitar para você.

Se você tem uma renda bruta mensal de até R$ 1.600,00 a Caixa disponibiliza algumas possibilidades para você, mas se sua renda é de até R$ 5.000,00, outras facilidades também serão oferecidas, é só acessar agora mesmo e conferir.

De todas as habitações que a CAIXA se propôs a construir, cerca de 860 mil delas são para os brasileiros com o perfil mensal de R$ 1.600,00. Muitos questionam sobre quais são as vantagens de comprar um imóvel pelo Programa e resposta é bem simples, através do Minha Casa Minha Vida, a prestação que você pagará mensalmente é de apenas 10% da sua renda familiar, isso significa que o seu orçamento não será comprometido.

As parcelas mensais podem ser de até R$ 50,00! Não existe também taxa de inscrição, entrada e você só paga a primeira parcela quando o imóvel já está pronto. Como se tudo isso não bastasse, você tem até 10 anos para pagar seu lar.

Com essa oportunidade que só mesmo a CAIXA e seus parceiros poderiam oferecer, muitos brasileiros de todos os lugares do Brasil já estão com suas casas entregues. Sem pagar aluguel e com o sonho da casa própria realizado. Se você também gostaria de realizar este sonho, acesse o site e veja como fazer  e do que você precisa para ter sua casa em breve:

43 Comentários

Comentar

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Gravidez após os 40
Gravidez após os 40 anos: Riscos e precauções
Boca de uma criança analisada por um dentista
Quando levar seu filho ao dentista